Judaísmo

É comumente afirmado que Isaías 53 nunca foi considerado messiânico por rabinos e sábios judeus. Às vezes, a declaração é expressa como “o Judaísmo ensina” que Isaías 53 se refere à nação de Israel.

O fato é que Isaías 53 (mais precisamente,Isaías 52:13 a Isaías 53:12) foi interpretado em termos messiânicos por uma ampla variedade de comentaristas judeus durante um longo período de tempo. Outras interpretações certamente foram oferecidas, incluindo a visão popularizada pela primeira vez por Rashi nos tempos medievais de que o profeta falava da nação de Israel. Não obstante, a interpretação messiânica tem uma longa história na exegese judaica da Bíblia, como mostram as citações abaixo.

Mas sobre a casa de Davi, e sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para mim, a quem traspassaram; e prantearão sobre ele, como quem pranteia pelo filho unigênito; e chorarão amargamente por ele, como se chora amargamente pelo primogênito..

Zacarias 12:10

O livro de Isaías contém uma profecia sobre uma impressionante criança em seu capítulo 9:

Contudo, não haverá mais escuridão para os que estavam aflitos. No passado ele humilhou a terra de Zebulom e de Naftali, mas no futuro honrará a Galiléia dos gentios, o caminho do mar, junto ao Jordão. O povo que caminhava em trevas viu uma grande luz; sobre os que viviam na terra da sombra da morte raiou uma luz. Fizeste crescer a nação e aumentaste a sua alegria; eles se alegram diante de ti como os que se regozijam na colheita, como os que exultam quando dividem os bens tomados na batalha. Pois, tu destruíste o jugo que os oprimia, a canga que estava sobre os seus ombros, e a vara de castigo do seu opressor, como no dia da derrota de Midiã. Pois, toda bota de guerreiro usada em combate e toda veste revolvida em sangue serão queimadas, como lenha no fogo. Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz. Ele estenderá o seu domínio, e haverá paz sem fim sobre o trono de Davi e sobre o seu reino, estabelecido e mantido com justiça e retidão, desde agora e para sempre. O zelo do Senhor dos Exércitos fará isso.

Isaías 9:1-7