Segundo o Catecismo Católico, foi a Igreja mesma que formulou a doutrina do purgatório no Concílio de Florença (1439) e de Trento (1549-1563). Ela não existia na Igreja Primitiva. O historiador Jacques Le Goff diz que trata do além inventado pela Igreja para “a remissão de certos pecados, após a morte, iniciado com as orações pelos mortos e atos a favor dos defuntos”. Se já somos purificados pelo sangue de Jesus de todo pecado, de que serve essa doutrina? (1 João 1:7)

A Bíblia responde que não existe mais condenação para aqueles que estão em Cristo Jesus (Romanos 8:1).

Artigos Relacionados

Os Pais da Igreja e a Suficiência das Escrituras Os Pais da Igreja e a Suficiência das Escrituras
Um dos lemas fundamentais da Reforma Protestante foi o princípio “Sola Scriptura”, “Somente as...
A Bíblia É Realmente Confiável? A Bíblia É Realmente Confiável?
Nenhum livro deu mais o que dizer, seja bom ou ruim, do que a Bíblia. Atualmente, vivemos um tempo...
Jesus Ensina que Deus É Injusto? Jesus Ensina que Deus É Injusto?
Algumas pessoas argumentam a partir da Bíblia que Deus condena as pessoas que rejeitam Sua revelação...
Os Valdenses e a Guarda do Sábado Os Valdenses e a Guarda do Sábado
Os primeiros Valdenses foram membros de um movimento de reforma na Europa, especificamente nas...

Envie suas perguntas