Thomas à Kempis, respeitado pelos católicos e autor de A Imitação de Cristo, diz: “deve-se buscar a verdade na Escritura Sagrada”.

Veja alguns casos de perseguição:

João Huss, reitor da Universidade de Praga, foi queimado vivo por pregar contra o purgatório e as imagens. Savonarola foi enforcado por denunciar as imoralidades do papa Alexandre VI (1492- 1503).

O Padre Anchieta, beatificado por João Paulo II, em 1980, tido como santo, promoveu o enforcamento do Pr. Jean Jacques Le Balleur, o João Bollés, em 1567, no Rio de Janeiro, além de ser acusado de esmagar mamelucos e escravizar índios.

A Bíblia responde: Por que a Igreja teve este tipo de perseguição ao livre exame da Bíblia? Leia João 8:32. O conhecimento da verdade liberta: Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.

Artigos Relacionados

As Sete Igrejas do Apocalipse e a História do Povo de Israel As Sete Igrejas do Apocalipse e a História do Povo de Israel
Ao contrário da visão popular entre alguns cristãos de que as 7 igrejas de Apocalipse 2 e 3  (Éfeso...
Mito: A Igreja Medieval Proibia a Dissecação Humana? Mito: A Igreja Medieval Proibia a Dissecação Humana?
"A maioria das autoridades na igreja medieval não somente toleravam, mas encorajavam a abertura e...
Mito: A Igreja Atrapalhou o Desenvolvimento da Ciência? Mito: A Igreja Atrapalhou o Desenvolvimento da Ciência?
"Na realidade, alguns dos mais celebrados avanços da tradição científica ocidental foram feitos por...
Os Pais da Igreja e a Doutrina da Criação Os Pais da Igreja e a Doutrina da Criação
O que a igreja primitiva acreditava sobre a criação? Em seus primeiros 16 séculos, a igreja ensinou...