A Inquisição foi o período em que a Igreja perseguiu os hereges. No seu “Livro das Sentenças da Inquisição” (Liber Sententiarum Inquisitionis) o padre dominicano Bernardo Guy (Bernardus Guidonis, 1261-1331), um dos mais completos teóricos da Inquisição, descreveu vários métodos de tortura, usados pela Igreja. Analise:

  1. A manjedoura - para deslocar as juntas do corpo;
  2. As Botas Espanholas - para esmagai as pernas e os pés;
  3. A Virgem de Ferro - um pequeno compartimento em forma humana, aparelhado com facas, que, ao ser fechado, dilacerava o corpo da vítima;
  4. A roda do despedaçamento - funcionou na Inglaterra, Holanda e Alemanha e destinava-se a triturar os corpos dos hereges;
  5. O esmaga cabeça - máquina usada para esmagar lentamente a cabeça;
  6. Outros instrumentos - suspensão violenta do corpo, amarrado pelos pés, provocando deslocamento das juntas; chumbo derretido no ouvido e na boca; arrancar os olhos; açoites com crueldade; forçar os hereges a pular de abismos, para cima de paus pontiagudos; arrancar unhas; ferro em brasa sobre várias partes do corpo; engolir excrementos e urina.

A Bíblia responde: Uma Igreja de Deus, usaria tais artifícios? A Bíblia é contra esta prática. Veja a resposta em Mateus 5:7

Graça Maior - Édino Melo, . Disponível em: http://gracamaior.com.br/estudos/ibsd-x-catolica/121-respostas-biblicas-para-o-catolicismo/papa/680-inquisicao.html. Acesso em 20 Fevereiro 2017.